hotel.com.br - O Guia de Hotéis da Internet Brasileira !


Pesquisar

Data de entrada

Data de saída


Filtrar por Bairro


JAGUARIÚNA - A fundação da cidade teve seu início na construção de uma Vila nas propriedades do Coronel Amâncio Bueno, desmembrando assim a fazenda “Florianópolis”, que transformou-se em colônia , abrigando italianos e portugueses. Essa propriedade havia sido doada por D.Pedro II aos pais do Coronel Amâncio Bueno. Em 1875 na então Vila Bueno, a Companhia Mogiana de Estradas de Ferro assentou seus trilhos, construindo assim o ramal Campinas-Mogi Mirim, inaugurado pelo Imperador D. Pedro II.

Notando o desenvolvimento do lugar, o coronel iniciou nos idos de 1889 a construção de uma matriz, até conseguir por provisão em 19 de fevereiro de 1892 criar a paróquia de Santa Maria, padroeira do lugar. Em 1894, Bueno encomenda ao engenheiro alemão Guilherme Giesbrechet, uma planta do bairro Jaguary, criando o Distrito de Paz de Jaguary, vinculado ao município de Mogi Mirim. Em 30 de Dezembro de 1953, o povo jaguariunense recebia a notícia: De acordo com a Lei nº. 2456, ficara criado o Município de Jaguariúna. A cidade possui clima tropical de altitude, mesotérmico com verões quentes. A estação de seca ocorre de maio a setembro e a chuvosa de outubro a abril.

Hoje em dia Jaguariúna concilia o desenvolvimento com o lazer e o turismo soma-se à qualidade de vida que o município oferece: crescimento planejado, saneamento básico, hospital e atendimento público de saúde dos melhores do Estado, ensino público e particular, inclusive a Faculdade de Jaguariúna e o Cepep,­ Centro Público de Educação Profissional; acesso fácil e amplas avenidas tornam Jaguariúna uma cidade diferenciada a somente 130 Km. de São Paulo.



Mostrando 3 resultados